Pílula Anticoncepcional Ajuda a Impedir Gravidez

Utilizados por boa parte das mulheres jovens hoje em dia, os anticoncepcionais são um grande aliado para quem quer adiar um pouco o momento de ter filhos.

Já são diversos os tipos de contraceptivos disponíveis no mercado, mas o mais comum é o comprimido ingerido por via oral, chamado popularmente de “pílula anticoncepcional”.

Esse medicamento é composto por uma combinação de hormônios que inibem a fertilidade feminina e impedem que a gravidez se concretize. A sua utilização é extremamente simples, sendo necessário apenas tomar os comprimidos diariamente, no mesmo horário.

Hoje existem dois tipos de pílulas no mercado, com ciclos de 21 ou 28 dias. A diferença é que quando é utilizada a pílula de 21 dias deve existir um intervalo entre as cartelas (sete dias), que causa o sangramento, enquanto a de 28 dias deve ser tomada em sequência, uma cartela na sequência da outra.

E não é só para evitar uma gravidez indesejada que servem os anticoncepcionais.

Muitas mulheres utilizam esse tipo de medicamento para diminuir os muitos inconvenientes causados pela vinda da menstruação, como cólicas, dores de cabeça ou a tensão pré-menstrual, a temida TPM.

Além do comprimido ingerido por via oral, existem diversas outras maneiras de se evitar uma gravidez. Entre eles estão as injeções contraceptivas, os adesivos transdérmicos e os anéis vaginais, que seguem o mesmo princípio da pílula, utilizando os hormônios para diminuir a fertilidade da mulher.

Mas é importante lembrar que antes de escolher um método contraceptivo, é preciso sempre procurar um médico, para que ele indique a melhor opção para cada mulher.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *